segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Ceir leva grupo de capoeira ao 20º Criança Feliz

O Grupo de Capoeira do Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) se apresentou durante a 20ª edição do Criança Feliz, que aconteceu nesse sábado (29), no Parque Potycabana. O projeto, que utiliza a capoeira como um dos instrumentos de reabilitação, atende 40 crianças pacientes do Centro.


“Além de trabalhar a parte física, a capoeira envolve toda a família, ajuda na interação social e dá visibilidade aos pacientes. Cada um faz o esporte de acordo com as suas limitações”, explica o supervisor de Reabilitação Desportiva do Ceir, Childerico Robson.


Vítor Emanoel, de seis anos, que tem paralisia cerebral, é um dos pacientes que participam do grupo. “Através da capoeira ele interage com outras crianças. Sempre que há alguma apresentação estamos presentes. Além da capoeira, ele participa da musicoterapia”, diz a mãe de Vítor, Joelma Lustosa. Ele já é atendido pelo Ceir há quatro anos.


Os benefícios da capoeira também são relatados pela autônoma Ana Célia Pinheiro, que acompanha o neto Esdras nas apresentações e na reabilitação no Ceir. “Eu pensei que ele não iria caminhar. Quando ele conheceu a capoeira, só olhava, não participava. Hoje ele se solta, ginga, bate palma e interage com as outras crianças”, diz.

Esdras participa, todas as sextas-feiras, no Ceir, das aulas de capoeira. Ele nasceu com dificuldades de locomoção, usa dois aparelhos e é acompanhado pelos profissionais do Centro.


Confira algumas fotos:


WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.48.04  WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.48.05  WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.48.06  WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.48.08 (1)

WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.48.55 (1)  WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.48.56  WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.49.46  WhatsApp Image 2016-10-29 at 20.49.51

Nenhum comentário:

Postar um comentário